Arquivo da categoria: Vida Saudável

topo

Como fazer com que seu filho tenha uma alimentação saudável

Fazer uma criança sentar à mesa e comer alimentos saudáveis parece uma tarefa impossível que, quando conseguimos executar, merece comemoração. Mas quando o assunto é nutrição infantil, a verdadeira conquista é fazer com que as crianças sejam adeptas de uma alimentação saudável ao longo de toda a vida. Por isso, o ideal é que esses hábitos alimentares comecem o quanto antes, já que são consolidados no início da vida.

Devemos ter em mente  que a nossa alimentação é um espelho daquela que desejamos para os nossos filhos. Não adianta esperar que eles tenham uma alimentação saudável se nós mesmos não adotamos esses hábitos.

Estratégias simples que contemplam criatividade, ação, persistência, exemplo e rotina podem tornar isso possível. Confira dicas para ensinar a criança a comer de forma saudável para a vida:

Mantenha o cardápio variado

Variar alimentos e ingredientes em cada refeição ajuda a garantir com que seu filho receba uma ampla gama de nutrientes necessários para o crescimento e desenvolvimento. Também é importante variar as formas de preparo de um alimento, para que a criança dê mais chances para ele.

Faça com que seu filho se sinta parte do processo

Ensinar a criança a tomar decisões saudáveis e nutritivas por si mesmos, aumenta a chance de torná-la um adulto saudável. Leve seu filho ao supermercado para que ele possa escolher algumas frutas ou vegetais.

Não desista

É importante manter a calma e não inventar mecanismos que, na verdade, boicotam o desenvolvimento de um hábito novo, como usar a sobremesa como recompensa de um prato limpo. É interessante incentivar a criança a pelo menos experimentar cada um dos alimentos do prato, não obrigá-la a gostar de tudo.

Sirva três refeições e dois lanches por dia

Uma rotina alimentar estruturada, que tenha três refeições e dois lanches por dia, pode tornar as coisas menos caóticas, manter as crianças alimentadas e ensiná-las que, se elas não almoçarem naquele momento, deverão esperar até a hora do próximo lanche.

topo_5

10 motivos para incluir o Kiwi Zespri na alimentação

Além das particularidades na aparência e no sabor, o Kiwi Zespri também tem várias surpresas quando o assunto são seus benefícios à saúde. Conheça 10 motivos para incluí-lo na sua alimentação.

1 – Facilita a digestão através das enzimas
Contém actinidia, uma enzima que dissolve as proteínas e que ajuda a digerir a refeição.

2 –  Ajuda a regularizar a pressão arterial
O seu nível elevado de potássio ajuda a manter os eletrólitos em equilíbrio neutralizando os efeitos do sódio.

3 – Reforça a imunidade
O alto teor de vitamina C do kiwi, juntamente com outros compostos antioxidantes, fortalece o sistema imunológico,

4 – Ajuda na perda de peso
O baixo índice glicêmico e o alto teor de fibra do Kiwi Zespri ajudam a evitar uma corrida à insulina, como é o caso de outras frutas com alto teor de açúcar, fazendo com que o corpo não armazene gordura.

5 – Bom para o trânsito intestinal
É uma ótima fonte de fibra, evitando a constipação e problemas intestinais.

6 – Ajuda a eliminar toxinas
A fibra contida no kiwi ajuda eliminar as toxinas do trato intestinal.

7 – Ajuda a combater doenças cardíacas
Comer de 2 a 3 kiwis por dia reduz o potencial de coagulação sanguínea em até 18% e os triglicéridos em 15%.

8 – Ajuda no controle do diabetes
Seu baixo índice glicêmico não dispara açúcar no sangue.

9 – Excelente para a pele
São uma boa fonte de vitamina E, um antioxidante conhecido por retardar a degeneração da pele.

10 – Naturalmente orgânico
Está na lista dos frutos que mais resistem a muitos dos resíduos de pesticidas. Em 2012, veio no top dos 10 alimentos mais orgânicos.

topo_05

Saiba por que abacaxi no pós treino

O que você come antes e depois do treino é tão importante quanto o próprio treino. Por isso é importante prestar atenção na sua alimentação para que ela seja um complemento que potencialize os resultados dos exercícios.

O Abacaxi Doce Mel, por exemplo, é uma excelente opção para ser consumida no pós treino. A fruta é rica em vitamina C, um poderoso antioxidante que desempenha um papel fundamental no crescimento e recuperação dos tecidos. Ele também fornece fibras, que reduzem as taxas de colesterol; vitamina B6, que ajuda na formação de células vermelhas sanguíneas e bromelaína, que ajuda na digestão de proteínas e pode ser usada para reduzir a inflamação de lesões desportivas.

Uma fatia de 100g da fruta, que também é diurética, contém apenas 52 calorias, tornando-a uma substituta para doces e lanches intermediários.

Ah, e quando comer seu Abacaxi Doce Mel não jogue a casca fora, aproveite para fazer sucos e chás. Ela possui tantos nutrientes quanto a polpa da fruta. 😉

TOPO

O que comer antes e depois dos treinos.

As frutas são uma opção de alimento nutritivo e saboroso. Ajudam a prevenir a desidratação e possuem ingredientes que aumentam a resistência imunológica do organismo, reduzindo o risco de lesões musculares e incidência de cãibras. Além disso, são uma boa fonte de energia para esportistas, já que contêm carboidratos presentes principalmente na forma de frutose, e são ricas em vitaminas e minerais antioxidante como vitamina C e betacaroteno, fundamentais no combate aos radicais livres que se formam na prática esportiva.

Mas é preciso escolher com cuidado o tipo de fruta e o momento em que vai consumi-la, sempre de acordo com a rotina de treinos. Isso porque as fibras das frutas podem trazer desconforto gástrico e prejudicar o desempenho.

Antes

Se você se exercita pela manhã e precisa fazer a primeira refeição de 30 a 40 minutos antes de sair para treinar, frutas são uma boa pedida. Para deixar o café da manhã ainda mais rico, uma sugestão é consumir cereais integrais com frutas variadas e picadas. Vale também complementar com um iogurte desnatado.  Ah! E se você treina à noite, também pode consumir frutas antes da atividade para matar a fome e sentir mais disposto.

Depois

Agora é o momento de escolher uma fruta com um índice glicêmico maior, para fornecer energia rapidamente. Suco de melancia ou de laranja, uva-passa, banana e manga são boas opções, que podem ser combinadas com um lanche mais reforçado em carboidratos, como pães e massas.

TOPO

Benefícios do Doce Milho

Com o sabor leve e adocicado, o Doce Milho pode ser combinado com ingredientes como alho, cebola, especiarias e, é claro, com manteiga.

Fácil, prático e rápido de fazer, ele pode ser o acompanhamento de várias receitas ou ser prato principal, seja cozido, assado ou na brasa.

O Doce Milho é rico em vitamina A, antioxidantes, vitaminas do complexo B e vitamina C.

Combate o envelhecimento precoce, atua sobre o sistema nervoso e no funcionamento da tireóide e ajuda na absorção de ferro pelo metabolismo. Também contém a vitamina B1, que ajuda na memória, por atuar nos impulsos nervosos que fazem as transmissões entre os neurônios. O componente também quebra mais gordura no organismo e gera mais energia.

TOPO_03

Os benefícios do Abacaxi Pérola

O Abacaxi Pérola Doce mel tem a polpa branca, suculenta, pouco ácida e muito doce. É perfeito para ser consumido in natura. Além disso, traz vários benefícios:

Xô gripe, tosse e resfriado

Sua grande quantidade de vitamina C repelem essas doenças. A bromelina presente na fruta tem propriedades que suprimem a tosse e podem ajudar a soltar o muco. Pra você ter uma ideia, a bronquite e a asma podem ser prevenidas por seu consumo, já que  deixa o muco mais fluido e desobstrui os brônquios.

Deixa os ossos mais fortes

A fruta contém magnésio, vitamina C, tiamina e biotina. Tudo isso ajuda na construção de ossos e tecidos conjuntivos,  tem propriedades antiflamatórias e ajuda na prevenção de várias doenças nos ossos.

É bom para o coração

A bromelaína é uma enzima presente no abacaxi que ajuda a diminuir a viscosidade do sangue. Isso facilita a circulação do sangue, evitando ataques cardíacos.

Ah, e tem mais

      A bromelina presente no abacaxi tem propriedades antiflamatórias que ajudam na prevenção de artrite e dor nas articulações.

      A fruta é rica em cobre, que desempenha um papel importante como um co-fator na síntese de células vermelhas do sangue.

      Tem propriedades antioxidantes, devido à presença de vitamina A.

 

TOPO_05

Conheça as frutas com grande concentração de vitaminas importantes para o inverno.

Gripes e resfriados são mais comuns nesta época do ano. Para não ser pego de surpresa por esses problemas, é importante reforçar o sistema imunológico com muita vitamina C.

O sucos de fruta são boas opções para ingerir vitaminas, porque hidratam, são naturais e também oferecem os sais minerais necessários para mantermos o corpo forte e saudável.

Laranja: o suco de laranja é o mais conhecido para repor a vitamina C. As propriedades da fruta também ajudam a manter a pele macia e a saúde do coração em dia. As combinações com outras frutas, como a acerola, são uma ótima opção para variar os sabores.

Uva: tem um teor elevado de antioxidantes e é uma rica fonte de vitaminas A, B1, B2 e de potássio, que fazem o nosso sistema imunológico mais forte durante as baixas temperaturas

Romã: tem grande concentração de ferro, antioxidantes, fitoquímicos, polifenóis e vitamina C. É rica em fibras que ajudam a combater doenças cardiovasculares, protegem nosso organismo de radicais livres nocivos, ajudando a prevenir doenças como o câncer, e é indicada à pacientes anêmicos

Banana: uma das melhores fontes de potássio, que ajuda a manter a pressão arterial durante o inverno. É rica em fibras e cheios de vitaminas, ajuda a melhorar o nosso sistema imunológico.

Limão: O suco de limão também é muito conhecido por apresentar diversos usos e propriedades curativas. Essa fruta não é somente uma fonte de vitamina C, mas também pode prover saúde e longevidade a quem a consome regularmente.

 

TOPO_04

O benefício das frutas para as crianças

As frutas contém água, fibras, vitaminas, sais minerais, frutose, carboidratos e proteínas. Toda essa variedade nutricional vem com poucas calorias, é facilmente digerida e dá boa saciedade. E tem mais: de acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde), há evidências de que a ingestão de frutas diminui o risco de diabetes e obesidade.

A recomendação dos especialistas é que crianças acima de 1 ano de idade consumam de três a quatro porções de frutas por dia. Se elas não forem processadas e transformadas em suco, melhor, porque suas fibras e nutrientes permanecem intactos. Também é importante prestar atenção na variedade de cores para garantir a ingestão de diferentes nutrientes, essenciais ao crescimento e desenvolvimento infantil, e, sempre que possível, não desprezar a casca, já que nela se concentra a maior parte desses benefícios.

Use a criatividade

Crianças gostam de sabores, cores e formas. Aproveite para deixar as frutas mais atraentes:

–       Coloque frutas picadas e sortidas em espetinhos;

–       Jogue iogurte em cima das frutas;

–       Prepare salada de frutas com formatos diferentes (a melancia, por exemplo, pode ser cortada como uma estrelinha);

–       Use o boleador para fazer bolinhas de fruta;

–       Faça picolés com pedaços de frutas. É só cortá-las em cubinhos, misturar com suco de laranja ou limão, colocar em fôrmas próprias, espetar um palito de madeira e levar ao congelador.

TOPO_05

Como é o Kiwi Zespri e como mantê-lo conservado?

Qual é a diferença entre os Kiwis Zespri?

O kiwi verde comum tem um formato oval e uma casca marrom coberta com pequenos pelos. A fruta contém um centro de polpa verde brilhante com várias fileiras de sementes pequenas e pretas  no centro. Os kiwis verdes têm um sabor doce e refrescante. Alguns até dizem que parece uma mistura de frutas cítricas, morango e melão em uma fruta só.

O Kiwi SunGold, nosso kiwi amarelo, tem uma aparência diferente, é mais alongada e a pele é lisa. A polpa é dourada, e as sementes do kiwi dourado variam do preto ao vermelho. O sabor do kiwi SunGold é doce, parecendo um pouco com manga e melão.

Um kiwi maduro é macio ao toque, como um pêssego ou um abacate maduro, e sua qualidade é fácil de perceber assim que o corte da fruta é feito. Pode ser consumido usando uma colher, ou incluindo em suas receitas favoritas de frutas frescas, saladas e batidas.

Como escolher seu kiwi

Como o kiwi é diferente, ele faz sucesso com as crianças. Elas dizem que é uma fruta engraçada e muito gostosa. Os adolescentes e os adultos que gostam de cuidar de sua saúde apreciam a explosão refrescante que acompanha cada mordida de Kiwi Zespri. Seguem algumas dicas sobre como selecionar os melhores kiwis:

Primeiro, procure sempre kiwi com a etiqueta ZESPRI, que garante um sabor e qualidade excelentes! Assim que encontrar nosso selo, selecione os kiwis com pele lisa, sem rugas, lesões ou cavidades.

Como conservar os Kiwis Zespri:

Os Kiwis ZESPRI SunGold geralmente estão prontos para comer. A fruta madura deve ser guardada na geladeira.

O Kiwis Zespri Green podem ser comprados mesmo mais firmes, ainda verdes. Isso porque a fruta amadurece em casa de três a cinco dias de sua compra, mantidos na temperatura ambiente. Quanto mais firme, mais azedo o sabor. Quanto mais maduro, mais doce ele fica.

Mas se você quiser acelerar o processo de amadurecimento, coloque os kiwis em uma sacola de papel com uma maçã ou banana e deixe o saco em clima ambiente.

Os Kiwis Zespri Green e SunGold podem ficar no fruteiro da cozinha por alguns dias. Mas se você deseja armazenar as frutas por mais tempo, deixe os kiwis em uma sacola de plástico dentro da geladeira.

Como comer um Kiwi Zespri

Pegue uma faca e corte o kiwi pela metade. Em seguida, use a sua colher e retire a polpa do kiwi.

TOPO_#04

Frutas que aliviam o desconforto na gravidez

A alimentação é um dos principais cuidados que uma futura mamãe deve ter.  Ela precisa ingerir todos os nutrientes necessários para a sua saúde e para a formação e crescimento do bebê.

Uma dieta saudável, rica em frutas, também pode ser uma grande aliada durante a gravidez. Elas contêm minerais, vitaminas, água e fibras, importantes para o desenvolvimento do feto; são fontes de selênio, cromo e zinco, que aumentam a ingestão de carotenóides e ácido fólico, que se relaciona com uma baixa incidência de anomalias congênitas nas crianças.

Além disso, elas minimizam os incômodos que aparecem nas diversas fases da gestação.
Confira o que cada fruta pode fazer pelo bem-estar das gestantes:

– Câimbra

Frutas indicadas: melancia, banana, laranja, melão, uva, framboesa, amora, ameixa e água de coco.
Frutas contra-indicadas: nenhuma.

– Azia

Frutas indicadas: mamão, manga, banana, uva, caju, maçã (crua ou cozida) e goiaba cozida.
Frutas contra-indicadas: laranja, limão, tomate, kiwi, maracujá, abacaxi (frutas ácidas em geral). Abacate, coco, nozes, avelãs e castanhas (por conterem muita gordura).

– Enjoo

Frutas indicadas: abacaxi, kiwi, laranja, limão e água-de-coco.
Frutas contra-indicadas: banana, manga, abacate, fruta-do-conde, graviola e pêssego.

– Prisão de ventre

Frutas indicadas: ameixa, mamão, manga, morango, laranja (com bagaço), abacaxi, jaca, figo e damasco.
Frutas contra-indicadas: goiaba, maçã, banana, pêra e caju.

– Inchaço

Frutas indicadas: melancia, melão, abacaxi, carambola, fruta-do-conde e laranja.
Frutas contra-indicadas: nenhuma